AXOLOTE NO AQUÁRIO

Axolote

Axolote

Não perca esta novidade! Economize muito em suas compras Clic Aqui

AXOLOTE NO AQUÁRIO

Visite nossa Loja Preços incríveis Clic Aqui


Axolote
Científico: Ambystomatidae é uma família de anfíbios pertencentes à ordem Caudata. O único gênero pertencente a esta família é Ambystoma. Também conhecido como “Salamandra mexicana” ou “Dragão do México”.

O Axolote é uma incrível salamandra que vive toda sua vida em estágio larval, não completando a metamorfose como as outras salamandras, conserva durante toda a vida brânquias externas, uma característica do estado larval, vive sempre na água, não sai para o mundo terrestre como outros anfíbios, sapos e rãs por exemplo. Apesar de não completar sua metamorfose atinge a maturidade sexual podendo se reproduzir.A Salamandra comum sai do estado larval e vai para a terra, inclusive para reprodução, e podemos encontrar até em nosso jardim.

O axolote, Ambystoma mexicanum, é uma espécie neotênica na qual a metamorfose pode ser induzida somente experimentalmente, e tem a incrível capacidade de regeneração dos órgãos (inclusive do cérebro), por isto tem sido amplamente utilizada em pesquisas embriológicas e na biologia regenerativa.

Os Axolotes podem viver entre 15 e 20 anos de idade, em aquário cerca de 15 anos, são carnívoros, ativos à noite e podem atingir cerca de 25 centímetros de comprimento.

Apesar do Axolote estar na lista vermelha de animais ameaçados de extinção (IUCN), são relativamente fáceis de se encontrar em lojas especializadas, visto que existem vários criadouros em cativeiros particulares.

É possível ter um Axolote no aquário, sem problemas, algumas observações devem ser colocadas em prática:

Axolotes são territorialistas e agressivos entre si, não devendo ter dois do mesmo sexo juntos.

Temperatura ideal para um Axolote no aquário é entre 17ºC a 20ºC, portanto, se você mora numa região de clima quente tome as devidas providências, a instalação de um Chiller seria o correto.

Como alimentar um Axolote no aquário: O Axolote possui pequenos dentes, porém eficazes. Você pode oferecer pequenos insetos; peixes pequenos; Daphnias (Pulga d’água); Moluscos e Crustáceos; Artêmias; Minhocas; Girinos; Peixe triturado; Algas e também rações específicas para Axolotes, encontrado em lojas especializadas em aquarismo.

PH ideal para Axolote: Entre 7.0 a 8.0. A água ideal seria a de poço ou de nascente, mas pode ser de torneira, tratada, sem cloro. (Observar período de ciclagem).

Substrato: Areia bem grossa, pois se for fina ele pode engolir e adoecer, também pode ser areia de duna (super fina) que vai passar pelo seu trato digestivo sem problemas. Colocar rochas e plantas para esconderijo. Cuidado com enfeites artificiais, pois a pele do Axolote é bem sensível.

Axolotes procurados para aquário: Axolote Leucístico; Axolote Black e Axolote Albino.

Suas brânquias plumosas externas (dos peixes são internas), olhos pequenos sem pálpebras, sua larga boca chamam a atenção do espectador porque parece que o Axolote está sempre sorrindo. São dóceis, simpáticos, engraçados, calmos, é uma ótima opção para um animal de estimação.

Tamanho do aquário para Axolote: Cerca de 50 litros para um exemplar ou 200 litros para comunitário. Não precisa ter grande profundidade, visto que irão ficar no fundo. Pouca iluminação. Atentar-se para sifonagem, bons filtros, limpeza constante (TPAs semanais), visto que sujam bastante a água com detritos. Sem correnteza de água.

Não é difícil conseguir o acasalamento e consequentemente, nascimento dos filhotes em cativeiro.

Devido sua glândula tireóide, que não é tão ativa, não ocorre a metamorfose, sendo assim evitar comidas que contenham iodo, marinhas, por exemplo, pois este anfíbio vem de regiões pobres em iodo. Forçar a metamorfose com tratamentos hormonais poderá resultar na morte do animal ou redução na expectativa de vida, pois irá causar severas mudanças morfológicas.

Curiosidades: O Axolote tem uma super capacidade de regeneração, dos nervos, cauda, pele, músculos, ossos, cartilagens, etc. e até cérebro, isto em questão de semanas, motivo pelo qual é alvo de pesquisadores na esperança de encontrar soluções para pessoas com problemas onde o crescimento de um órgão se faz necessário. As células do sangue do Axolote poderão “abrir as portas” para o sucesso destes cientistas em prol da humanidade. Os estudos do DNA, o genoma do Axolote está em fase avançada nas pesquisas laboratoriais.




Vendo alguns produtos para aquarismo com ótimos preços: Promoções

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.