CAMARÕES DE AQUÁRIO MARINHO

Camarões de aquário marinho

Camarões de aquário marinho

CAMARÃO BAILARINO



Se você tem um aquário com corais e peixes não deixem de ter um Camarão, um invertebrado incrível. Mas existem várias espécies de Camarão. Então vamos analisar algumas espécies destes crustáceos para ver qual é o melhor para seu aquário marinho.Para qualquer espécie de camarão que você for comprar não se esqueça da aclimatação que é muito importante. Como geralmente eles são vendidos em tamanhos pequenos, de 2 a 4 cm é bom fazer a aclimatação e a soltura do animal à noite, quando possíveis predadores já estiverem em suas tocas.

A aclimatação irá prevenir choques de temperatura, PH, densidade, cálcio e outros níveis. Manter o saquinho dentro do aquário e ir aos poucos colocando água do mesmo até encher por completo o saquinho, em um processo lento, cerca de 1 hora ou mais.

Os parâmetros para criação de camarões é o padrão para corais moles (veja parâmetros). Trocas parciais de água serão o suficiente para manter os níveis de cálcio, magnésio, iodo e elementos traço. É preciso alimentar os camarões, de qualquer espécie, alguns com mais frequência que os outros, zerar a água de nutrientes (matéria orgânica) poderá ser fatal para eles, mas sempre atento aos níveis de nitrato.

Verifique se você não tem um predador de Camarões no aquário, tais como triggers e puffers.

O Camarão Bailarino é, em minha opinião, fundamental para você ter no aquário, além de ser um belo animal ele atua no controle de Aiptasia (veja Aiptasia neste site). O Camarão Bailarino é o Lysmata Wurdemanni, ou Camarão Peppermint (inglês), além de comer Aiptasias, ele consome os detritos, restos de comida e toda matéria orgânica em decomposição. Para erradicar Aiptasia do aquário nada melhor que um Camarão Bailarino.

Este camarão é facilmente encontrado em lojas de aquarismo devido suas utilidades, principalmente de comer Aiptasia, mas é possível que uma Aiptasia muito grande devore o camarão se este for muito pequeno e ficar preso nela. Se você quer um predador natural da Aiptasia o Camarão Bailarino é o indicado.

Tem o nome de Camarão Bailarino porque quando eles andam ficam balançando seu corpo de um lado para outro, até mesmo quando estão parados.

É um limpador para seu aquário, e você poderá colocar até 2 camarões desta espécie (aquário até 100 litros ou até 5 para mais de 200 litros) que não irão apresentar problemas, mas poderá também colocar camarões de outras espécies juntos, mas antes deverá verificar a compatibilidade. O Camarão Bailarino pode chegar a 5 cm de comprimento, é branco com várias listas vermelhas finas longitudinais, bem acentuadas, mas podem variar o tom de acordo com os parâmetros da água ou iluminação.

Se você colocar 2 Camarões Bailarinos em seu aquário certamente terá um casal, pois são hermafroditas, todos os indivíduos possuem óvulo e esperma.

Eles se escondem nas rochas onde passam a maior parte do dia, mas saem à noite para capturar alimento. O Camarão Bailarino é compatível com aquário de corais.

O iodo favorece a mudança saudável de sua casca. Como seu exoesqueleto não cresce ele precisa trocar a “casca” periodicamente, à medida que for crescendo, peculiar para os camarões. Neste momento de troca eles ficam vulneráveis a ataques de predadores ou as vezes da própria espécie. Muitos aquaristas também usam o termo “mudar de pele”.
Manter o nitrato nos níveis ideais (veja Parâmetros), uma vez que não toleram níveis altos.

Abaixo o vídeo do Camarão Bailarino:

 

Veja o vídeo abaixo do Camarão Stenopus:

CAMARÃO PALHAÇO

O Camarão Palhaço é o Stenopus Hispidus, também tem o Stenopus scutellatus e o Stenopus Spinosus, mas estes são mais raros.

O Camarão Palhaço é útil para o aquarista que quer eliminar vermes do aquário, embora que a maioria dos vermes encontrados em aquários são inofensivos, mas se tiver algum verme de fogo que esta comendo corais este camarão vai eliminá-lo com suas poderosas pinças. Alias, quando um predador conseguir agarrar uma de suas pinças ele a solta para livrar-se do inimigo, mas rapidamente irá crescer outra em seu lugar.

O Camarão Palhaço troca seu exoesqueleto mensalmente.
Também ajuda na limpeza do aquário, pois come sobra de comida oferecida aos peixes ou corais. Fica passeando entre as rochas para capturar alimento.

Este camarão tem faixas vermelhas e brancas no seu corpo espinhoso. Possui 6 “antenas” e chega aos 8 cm de comprimento. É importante que seu aquário possua rochas onde ele poderá habitar-se, caso contrário poderá ocorrer stress do animal.

A aclimatação e soltura também deverão ser feito à noite. Ele irá procurar um buraco nas rochas onde será sua toca. Territorialista não irá tolerar que outro animal se aproxime, mas apenas irá afugentá-lo. Não tolera outra espécie de camarão no mesmo aquário. O Camarão Stenopus é agressivo e poderá atacar peixes menores que ele.
Assim como o Bailarino este camarão tem hábitos noturnos, é carnívoro e se alimenta também de parasitas encontrados em peixes. Também é hermafrodita.

CAMARÃO LYSMATA

Tem o Lysmata Grabhami (nacional) e seu primo Lysmata amboinensis (importado), somente uma pequena diferença na cauda é detectado. Também é hermafrodita.

Tem 3 pares de pernas e sua cor é vermelha separado por uma faixa dorsal branca brilhante que vai desde as antenas até a ponta da cauda. Chega a medir até 7 cm de comprimento. Tem 2 pares de antenas brancas.

O Camarão Lysmata tem como peculiaridade seu hábito de limpar os peixes de parasitas ou de tecidos mortos. É muito curioso ver este camarão em simbiose com a Moréia, ele fica em sua boca capturando parasitas e pele morta. Devido a esta limpeza que ele faz nos peixes também é conhecido por Camarão Cleaner (limpador). Além disto, também ajudam na limpeza do aquário, pois comem restos de comida.

A natureza é tão sabia que após introduzir esta espécie no aquário os próprios peixes irão procura-lo para fazer uma limpeza.

O Camarão Lysmata troca seu exoesqueleto aproximadamente a cada 15 dias.
Você pode colocar vários desta espécie no aquário, mas não se dão bem com o Camarão Palhaço, o Stenopus. Também é compatível com corais, poderá até se alojar em alguma colônia.

Este camarão é tido como um médico do aquário marinho, pois a limpeza que faz nos peixes removendo parasitas e tecidos mortos é tido como um dos camarões preferidos dos aquaristas.

CAMARÃO PERICLIMENES YUCATANICUS

Muito bonito e popular no aquário marinho, com pontos coloridos, suas garras e pés são listradas com branco, vermelho e roxo. Tem 2 pares de antenas brancas com faixas escuras que ficam acenando para atrair peixes para comerem tecidos mortos, parasitas e algas.

Ele ainda entra na boca de peixes para fazer a limpeza por trás da guelra.

Este pequeno camarão de 2,5 cm de comprimento também come parasitas dos peixes. Vive em simbiose com diversas anêmonas. Por ser muito pequeno pode ser facilmente devorado por peixes predadores.

CAMARÃO GNATHOPLYLLUM AMERICANUM

Conhecido como Camarão Zangão ou Abelha porque sua coloração é bem parecida com estes insetos.
São muito pequenos, cerca de 2 cm de comprimento e gostam de ficar no substrato, razão pela qual é indicado apenas para aquários bem pequenos.

Podem atacar ouriços, estrelas e pepinos do mar quando não forem alimentados diariamente.

CAMARÃO LYSMATA DEBELIUS

Também conhecido por Camarão de Fogo por ter o corpo vermelho sangue, antenas brancas, também é um limpador, hermafrodita e territorialista.

Devido sua exuberante cor vermelha é muito cobiçado por aquaristas, mas apenas 2 exemplares no máximo desta espécie poderão ser colocados no aquário, pois brigam entre si. Podem produzir mais de 1000 ovos a cada 10 dias.

CAMARÃO HYMENOCERA ELEGANS

Embora for muito bonito este camarão se alimenta exclusivamente de estrelas do mar. Não aceita nenhum tipo de ração.
O Hymenocera, ou camarão Harlequin, é geralmente de cor creme ou branco com manchas azuis, rosa e marrom com diversas tonalidades. Muito encontrado em recifes de coral, podendo chegar aos 5 cm de comprimento. É preciso ter um par no aquário, não vive solitário.

CAMARÃO DE ANÊMONA

(Periclimenes brevicarpalis)
Assim como o Peixe Palhaço o Camarão de Anêmona vive em simbiose com a Anêmona do mar, fica indefeso se não houver uma Anêmona, pois esta o defende de predadores. Normalmente fica 1 par na Anêmona e não incomodam o Peixe Palhaço.

O macho é menor e muito mais transparente, já a fêmea apresenta manchas brancas na parte de trás ao longo do abdômen.
Por ser transparente, dentro da Anêmona fica praticamente camuflado, conferindo-lhe uma proteção adicional além dos urticantes tentáculos da Anêmona.

O Camarão de Anêmona não come elas, apenas ficam lá para proteção, mas suas pinças ficam esticadas para capturar alimento. Dificilmente abandonam a Anêmona para procurar comida, mas se isto ocorrer ficam bem próximos. Somente quando tem que trocar seu exoesqueleto abandonam a Anêmona, mas depois cautelosamente, voltam à habitar a Anêmona.

Enfim, existem muitas espécies de camarões de aquário marinho, inclusive os que fazem simbiose com Gobyes, mas acima destaquei alguns mais populares. Talvez na sua região não encontre várias espécies à venda, mas de qualquer forma ter um Camarão no aquário é muito bonito, realça no aquário além de útil, portanto, não deixe de comprar um, de preferência um casal.

Se você tem algo a acrescentar utilize o formulário “comentários”. Obrigado



Para alimento de corais, peixes, invertebrados Clic Aqui.

Para comida de peixes marinhos granulada Clic Aqui.