CICLO DO AZOTO

CICLO DO AZOTO

CICLO DO AZOTO

CICLO DO AZOTO



Uma questão fundamental para o sucesso do aquário marinho (e doce) é sem a menor dúvida o filtro biológico, será o responsável pelo perfeito e harmonioso ecossistema.O filtro biológico é o filtro mais importante que você poderá ter no aquário, pois ele abrigará milhões de bactérias aeróbicas e anaeróbicas (veja matéria neste site).

Bactérias nitrificantes aeróbicas são as Nitrosomonas e as Nitrobacter, e são elas que irão processar a amônia e nitritos. Estão no nosso aquário onde existe oxigênio (rochas, substrato, etc), ao contrário das bactérias desnitrificantes, pois estas se desenvolvem onde não há oxigênio e pouca luz (ou nenhuma).

Se você acabou de montar seu aquário, os altos níveis de amônia serão certos, por isto é preciso colocar bactérias, elas irão se multiplicar por consumirem a amônia, transformando-a em nitritos. Estas bactérias são do genero nitrosomonas, e quando os nitritos se acumulam entram em ação as bactérias nitrobacter e nitrospira , que processam os nitritos à nitratos. Este é o ciclo perfeito, a base do filtro biológico.

É evidente que no início, após a montagem do aquário, as bactérias são poucas e não darão conta se adicionarmos vários peixes de uma vez, por isto deve-se introduzir peixes, corais e invertebrados devagar, para que o filtro suporte esta demanda, pois as fezes dos peixes, restos de comida irão se transformar em amônia. É preciso que o ciclo se complete a cada animal introduzido. O ideal seria introduzir um peixe quinzenalmente, pois como citei no início, os peixes e outros invertebrados irão produzir mais amônia e a pouca quantidade de bactérias não conseguirá processar a carga orgânica, causando a morte destes animais. É por este motivo que devemos sempre colocar várias cepas de bactérias no aquário novo, pois a proliferação e fixação destas bactérias poderão demorar e o filtro biológico não será eficiente. É importante manter o filtro biológico sempre equilibrado.

O filtro biológico será composto por bactérias aeróbicas e anaeróbicas.

É importante dizer que antes de colocar qualquer animal no aquário é preciso zerar o nível de nitrito, isto será feito pelas bactérias, mas levará algum tempo, cerca de 2 meses.

Dica: Coloque apenas comida, como se já houvesse um peixe lá, isto fará com que esta comida se transforme em amônia que será consumida pelas bactérias, causando consequentemente, sua proliferação.

Deixe as luzes apagadas durante este período. Não utilize Skimmer ou Carvão ativado. Isto somente até zerar o Nitrito, até completar o ciclo do azoto.

Toda decomposição que ocorrerá no aquário será transformada em amônia, como por exemplo: restos de alimentos, fezes dos peixes, animais mortos, etc. A amônia é altamente tóxica aos peixes, corais, invertebrados, etc.

Seu aquário estará ciclado somente quando os níveis de amônia e nitrito estiverem zerados, isto pode levar entre 2 e 3 meses. Na verdade isto quer dizer que seu aquário já está equilibrado, pronto para receber habitantes.

Após a introdução de algum peixe e todo este processo de transformação acontecer naturalmente, por meio das bactérias, poderá dizer que seu aquário já está ciclado, que passou pelo ciclo do azoto.

Após algum tempo, depois de já ter introduzido vários peixes, corais e invertebrados no aquário, deve-se remover os nitratos, fazendo TPAs semanais ou quinzenais (20% do volume de água), e depois de algum tempo, acompanhado de sifonagem do substrato, lembrando que isto irá também remover bactérias, eu aconselho repor, comprar em lojas de aquarismo.

É importante sempre monitorar os níveis de nitratos e fosfatos.

É fundamental sempre manter o filtro biológico em equilíbrio com os seres que introduzimos no aquário marinho, ou de água doce.

Mais dicas na página: Ciclo do Nitrogênio e Período de Ciclagem, neste site.



Para alimento de corais, peixes, invertebrados e MUITO MAIS Clic Aqui.