COMO AUMENTAR E MANTER O CÁLCIO NO AQUÁRIO MARINHO

Como aumentar manter calcio aquario marinho

COMO AUMENTAR MANTER CALCIO AQUARIO MARINHO

COMO AUMENTAR E MANTER O CÁLCIO NO AQUÁRIO MARINHO


Vou explicar como aumentar o cálcio no aquário marinho usando método muito mais barato e funcional do que comprar produtos vendidos em lojas de aquarismo, sem uso de reatores.Para aumentar o nível de cálcio adiciona-se Cloreto de Cálcio PA, vendido no MLivre, melhor comprar da marca Asher.

Como sabemos aumentando o nível de Cálcio vai cair os níves KH, que é a reserva alcalina.

Para aumentar a reserva alcalina usa-se Bicarbonato de Sódio PA, também vendido no M Livre.

Aumentando a reserva alcalina (KH) vai diminuir os níveis de Cálcio.

Isto tem que ser reposto todos os dias porque os corais absorvem estes elementos. A quantidade irá variar de acordo com a quantidade de corais que se tem no aquário marinho.

Então como controlar isso? Manter os dois níveis ideais?

Nota: Você pode adicionar Cloreto de Cálcio durante o dia, mas o Bicarbonato de Sódio somente à noite, para equilibrar o PH.

Se for a primeira vez que vai controlar estes níveis deve-se começar ajustando o KH com Bicarbonato de Sódio. Você vai precisar de 2 Kits de testes, um para medir o nível KH e outro para medir o Cálcio.

Vamos tomar como base um aquário com 100 litros d’água.

O primeiro passo é medir os níveis KH e Cálcio.

O nível de KH para aquário de corais deve ficar entre 7 a 12mg/l, estando em 8 e estabilizado será o suficiente.

O nível de Cálcio deve ficar entre 380 à 420ppm, mas estabilizando em 380 estará bom.

 

1º dia à noite:

Dissolva 15 Ml de Bicarbonato de Sódio PA em água DI e despeje no aquário à noite, por gotejamento ou o mais lerdo possível.

2º dia à noite:

Dissolva 15 Ml de Bicarbonato de Sódio PA em água DI e despeje no aquário à noite, por gotejamento ou o mais lerdo possível. (mesma coisa do dia anterior)

No dia seguinte meça os níveis KH. Suponhamos que deu 8 ou 10. Até aí tudo bem, resolvido o KH. Pare agora de dosar Bicarbonato.

Agora vamos dissolver a mesma quantidade (15 Ml) de Cloreto de Cálcio em água DI (misture bem) e colocar por gotejamento no aquário durante o dia, na parte da manhã.

No dia seguinte repita a operação somente com o Cloreto de Cálcio, de manhã.

Na parte da tarde meça os níveis de KH e Cálcio.

Compare os resultados com a primeira medição. O quanto foi “consumido” de Cálcio e idem para KH.

Veja o que se deve aumentar ou diminuir nas próximas dosagens. Nas primeiras medições é um processo que requer paciência e obviamente terá um custo com os Kits de testes, mas procedendo deste jeito PRÁTICO logo vai chegar a um consenso.

Não se esqueça de que para manter o nível de cálcio do aquário, bem como o nível KH será necessário repor diariamente os itens citados, nas proporções obtidas dos testes acima especificados.

Já o Magnésio mantém um equilíbrio iônico na água, colabora para manter os níveis de Alcalinidade e de Cálcio, sem afetar no PH. Os níveis de Magnésio no aquário de corais devem ficar entre 1250 à 1450ppm. Por muitos testes que fiz não há necessidade de dosar Magnésio, pois com TPAs regulares ele é reposto.

Se você não faz TPAs regularmente talvez o nível de Magnésio do seu aquário esteja baixo, então deverá adicionar Cloreto de Magnésio PA, pois o custo é muito inferior às marcas vendidas em lojas de aquarismo.

Este é apenas um resumo prático, mas para ficar ciente de tudo, você deve ler as páginas “CÁLCIO” e “COMO AUMENTAR O KH E PH”. Lá contém informações úteis que você deverá saber.

Se você tem outros meios para equilibrar o KH e  Cálcio, deixe um comentário.



Para alimento de corais, peixes, invertebrados Clic Aqui.

Para comida de peixes marinhos granulada Clic Aqui.