COMO MONTAR UM AQUÁRIO MARINHO

Como montar um aquário marinho

Como montar um aquário marinho

COMO MONTAR UM AQUÁRIO MARINHO

Como fazer um aquário marinho

Aqui estou colocando apenas um resumo para você poder seguir e montar seu aquário de água salgada, onde poderá criar peixes, corais e outros invertebrados.

Visite nossa Loja Preços incríveis Clic Aqui

Como montar um aquário marinho foi minha primeira pesquisa antes mesmo de comprar qualquer coisa e tentar fazer alguma coisa. Abaixo vão dicas legais:

Antes de iniciar você deve ler atentamente minhas páginas sobre corais.

Logo notará que principalmente os corais são extremamente frágeis, fazem simbiose com as Zooxantelas, qualquer alteração no ambiente poderá ser fatal.

Estas algas Zooxantelas fornecem quase tudo que os corais precisam, principalmente para os corais moles, mas antes de montar seu aquário lembre-se que terá por objetivo criar um ecossistema perfeito, onde tudo irá funcionar na perfeita harmonia.

A manutenção do aquário marinho é fundamental para conservar biodiversidade que seu futuro aquário irá abrigar.

No mar, a água contém todos os elementos da tabela periódica, todos os elementos do planeta conhecidos pelo homem estão presentes na água salgada, portanto, confinar num aquário tudo isto, não é tarefa fácil, requer equipamentos indispensáveis.

A água no aquário sofrerá mutações químicas, físicas e biológicas, então se prepare para uma aventura incrível, anote tudo desde o início, tire fotos, boa viagem…

Antes de comprar qualquer coisa verifique em fóruns, analise os aquários da loja em que vai comprar os elementos, assista vídeos no Youtube, etc. Principalmente antes de comprar o aquário, o vidro praticamente, procure saber o que é um aquário com botas, um sistema overflow, um aquário com furos. Sabendo as diferenças você já poderá comprar o aquário (o vidro).

Sugiro, se for a primeira vez que irá montar um aquário de água salgada, comece com um de 100 litros. Não é muito nem pouco. Lembre-se que irá gastar um dinheiro razoável em comparação com aquário de água doce, pois requer mais equipamentos e de melhor qualidade.
Se pretende economizar, comprando tudo que encontrar mais barato ou até mesmo não comprando certos equipamentos, é bom desistir, pois você deve estar ciente de que irá colocar seres vivos no aquário, irá se tornar um aquariofilista, e isto requer ética e responsabilidade.

Para montar um aquário marinho o fundamental é ter um projeto, saber com antecedência o que vai comprar e como vai montar.

Então estude e vai passando para o papel suas ideias. Não compre nada antes de terminar seu projeto.

Dê preferência a aquários mais largos (menos altos), pois a iluminação é um dos fatores mais importantes para os corais, e sendo mais baixo irá se tirar melhor proveito das luzes, os mais altos irão requerer mais potência na iluminação para atravessar a coluna d’água.

Analise em sites que tenham figuras da Tampa do aquário, veja as luzes e principalmente o espaço entre elas e a água. A tampa do aquário marinho não deverá ser fechada, deve haver espaço para oxigenação e evaporação.

Dê preferência à iluminação com lâmpadas (de aquário) feitas com Led, ou senão com lâmpadas T5. Sugiro lâmpadas T5 nas cores branca, azul e amarela simultaneamente, totalizando por volta de 1,5 W por cada litro d’água. Isto dependendo da altura do aquário, se for baixo apenas 1 W por litro.

Se for modificar alguma sugestão aqui, procure por lâmpadas que emitem o mínimo de calor possível.

Se não for comprar luminárias que tem controle de intensidade, faça uma ligação (utilize Timer temporizador) de modo que as lâmpadas sejam acesas gradativamente, não todas de uma vez só. Também tem opção de lâmpada dimerizável.

No aquário, quanto maior for a temperatura menor será o nível de oxigênio. A temperatura ideal é 26 graus.

Manter a temperatura estável é um forte aliado para o sucesso do aquário.

Você deverá ter um Sump – Verifique sites que tenham figuras de Sump, etc.

No Sump estarão todos os elementos filtrantes, tais como Manta acrílica; Carvão ativado; Cerâmicas; Purigem, etc.

Eu sugiro usar apenas manta acrílica antes da água passar pelo Skimmer e carvão ativado após o Skimmer. Visite a página sobre Skimmer.

No Sump deverá estar um dos equipamentos mais importantes do aquário marinho, que é o Skimmer. Além disso, lá você poderá colocar os aquecedores, reatores, enfim, será uma parte escondida, que os espectadores do seu aquário não verão.

Sua preocupação com a limpeza será mais no Sump do que no aquário. Isto é outra vantagem de se ter o Sump, não é preciso toda hora ir enfiando a mão dentro do aquário.

Se você for montar um aquário com 100 litros será necessário um Termostato de 300 W para assegurar uma temperatura estável entre 25 a 27 graus. Quanto mais estável for, melhor será para os corais e para todos os habitantes do aquário.

Para diminuir a temperatura, caso venha ultrapassar os 27 graus, pode-se usar ventoinhas, essas de computador, que deverão ser dirigidas para superfície da água a fim de aumentar a evaporação. A evaporação d’água é um método eficaz e mais barato para o resfriamento.

Se você reside numa região muito quente na qual as ventoinhas não dão conta, terá que comprar um Chiller.

A circulação da água é outro fator importante, tanto para os corais e para todos os habitantes do aquário, visto que as correntes é que irão levar toda a sujeira para o Sump, além de oxigenar a água do aquário.

Ao comprar corais verifique se este prefere grande ou pouca agitação d’água, para poder coloca-lo no lugar certo.

A circulação da água é feita através de bombas, chamadas de Wave-Maker que funciona perfeitamente, tendo um aquário de 100 litros cerca de 2 Wave-Maker de 2000 l/h é o suficiente, dependendo da posição e das rochas que irá compor o aquário. Pesquise também sobre bombas Tunze.

Quando irá montar o aquário as rochas não deverão estar uma sobre as outras, não fazer pilhas de rochas, acredito que rochas menores e mais espaçadas uma das outras é o ideal, mas isto fica à critério do aquarista. Lembrando sempre que a luz deverá chegar a todos os pontos do aquário, é ela quem vai alimentar os corais fotossintéticos, inclusive as algas calcarias das rochas que ajudarão a deixar tudo limpo.

Se conseguir rochas vivas melhor, caso contrário você pode comprar as rochas na loja, desde que sejam específicas para água salgada.

O substrato do aquário marinho poderá ser de aragonite, pois ajuda estabilizar o PH da água ou de Halimeda que é cascas de crustáceos quebradas, ajuda no cálcio.

Então minha opinião é a mistura destes dois elementos, formando um bom substrato. O PH deve ficar entre 8,2 à 8,4.

O substrato tem papel importante no aquário, além de ser decorativo, é lá que irão se fixar as bactérias nitrificantes, responsáveis em limpar os excessos de matéria orgânica, eliminando riscos da amônia, transformando nitritos em nitratos.

Eu sugiro uma camada de apenas 2 cm de altura que é o suficiente para mantermos as bactérias nitrificantes.

O substrato deve ser “mexido”, de vez em quando para evitar a calcificação ou compactação do mesmo, e também se deve conservar limpo, quando for montar seu aquário não se esqueça de comprar o que chamamos de “equipe de limpeza” ou “equipe da faxina”, que são seres detritivoros, como os crustáceos e ofiúros.

Poderá colocar vários Paguros (pequenos), Snails (Nishi snail), Ofiuros e outros. Esta equipe de limpeza, em conjunto, irá consumir restos de comidas, algas indesejáveis, matéria orgânica produzida pelos peixes, organismos mortos, além de serem bioturbadores, que remexem o substrato, irão manter o substrato sempre limpinho e não compactado.

Para montar um aquário marinho você já deve ter em mente que tipo de coral vai colocar nele, pois se vai colocar corais LPS ou SPS (visite as páginas “corais duros” e “corais moles”), irá precisar de um equipamento que se chama Reator de Cálcio, que adiciona Cálcio a àgua, necessário para estes corais.

Para o funcionamento do Reator de Cálcio vai precisar de cilindros de CO2.

Não é necessário este aparelho, você poderá adicionar cálcio vendido nas lojas de aquarismo, os chamados Bio Cálcio ou colocar Cloreto de Cálcio, muito mais barato e eficaz. Eu não utilizo reator de cálcio, utilizo Cloreto de Cálcio e Bicarbonato de Sódio para estabilizar o KH. Nota: Você terá que comprar os respectivos kits de testes para medir os níveis de cálcio, bem como para outras substâncias que irão compor a água salgada ideal. O níveis de Cálcio devem ficar entre 380 à 420 ppm e o KH entre 7 à 10.

É bom saber que num aquário de água salgada a evaporação é bem maior que num aquário de água doce. Então você tem que repor esta água.
No entanto, não é água salgada que evapora e sim água doce, o sal vai ficar no aquário, portanto você vai repor água doce apenas.

Esta água doce que você vai repor não é água de torneira simplesmente, você tem que filtrar esta água. Terá que comprar um filtro deionizador (DI) ou de reverse osmose (RO) para filtrar a água de torneira.

Para preparar a água salgada, basta comprar (loja de aquarismo) um sal (sintético) de boa qualidade e diluir na água filtrada DI ou RO.

Se você for montar o aquário para colocar corais, veja se o sal tem bons níveis de cálcio. Compare as marcas. Geralmente 1 kg de sal (sintético) prepara 30 litros.

Para não errar na medida você tem que comprar um Densímetro, aparelho que mede a densidade da água, ou seja, quanto mais sal colocar mais densa a água vai ficar. O ideal é ficar entre 1.023 à 1.025.

Basta marcar (no Sump) com uma caneta, o nível correto e todo dia repor a água que esta faltando, com a água já deionizada. Se não quiser ter este trabalho basta colocar um recipiente (reservatório) com água deionizada e comprar um aparelho que mede o nível e repõe a água automaticamente através de uma bomba.

Todo o sistema, seja na tampa do aquário ou no Sump deverá ser montado levando-se em conta a evaporação, portanto todo equipamento que possua parte metálica irá enferrujar a não ser que for de aço inoxidável. Preste atenção neste detalhe ao montar seu aquário. A água salgada irá enferrujar tudo que for metálico.

Depois do aquário já montado com a água já colocada todos os equipamentos testados, você tem que em primeiro lugar “criar” as bactérias.
Zerar os níveis de nitrato. Basta comprar ampolas de bactérias vendidas em lojas de aquarismo e colocar uma por semana por 1 mês.

Você pode colocar junto com a ampola (cerca de 1/4 de colher de chá) comida para peixes. Isto ajudará ao desenvolvimento das bactérias.
Normalmente os níveis de nitrato zeram em torno de 30 à 40 dias, neste período as bactérias já estarão crescendo no seu aquário.

Faça o teste, se o nitrato zerou você já pode colocar peixes, corais, invertebrados, não se esqueça da equipe de limpeza. Dica: Coloque 1 peixe por semana, comece colocando apenas corais moles, depois de 6 meses é que você poderá colocar corais duros, isto se você já dominou em manter os níveis de cálcio (380 à 420 ppm).

Depois de zerado os níveis de nitrato, após uns 2 ou 3 meses irão aparecer algas marrons, não se assuste, isto é comum e natural em aquários novos. Apenas limpe, limpe e limpe. Elas desaparecerão totalmente. Se nesta fase você limpou bem mesmo não irá aparecer algas na 2ª fase, ou seja, algas verdes.

Quando surgirem as algas marrons faça a limpeza nos vidros com um pano, lavando-o e passando novamente. Faça trocas parciais de água (TPA).
Troque por volta de 10% da água total do aquário. Faça isso semanalmente até que as algas desapareçam.

Após uns 5 meses, dependendo de tudo que você fez até aí, principalmente limpeza, irão surgir algas pinks ou algas coralíneas.
Você não vai comprar estas algas elas virão espontaneamente e sinalizam que o aquário está bem. É sinal que você é expert, já sabe como montar um aquário marinho.

Ao surgirem algas coralíneas, mesmo que os níveis, principalmente de cálcio, não estiverem dentro do normal, não faça mudanças bruscas, quanto mais estável melhor, vai alterando aos poucos.

Você viu como montar um aquário marinho então é só começar que tudo dará certo. Qualquer outra dúvida entre em contato.
Veja Por que ter um aquário marinho

Veja também o que você precisa COMPRAR para montar um aquário marinho.

Não se esqueça do FILTRO BIOLÓGICO para montar o aquário.

Você pode comprar produtos para aquário “mais em conta” na loja: Comida de Corais
Ou se preferir no Mercado Livre: Comida de Corais