COMO REGENERAR RESINA MISTA

Como Regenerar Resina Mista

Como regenerar resina mista

COMO REGENERAR RESINA MISTA


Leia o texto abaixo que vou dar uma dica bem explicativa para você saber como regenerar resina mista para filtro deionizador.
Para confecção da água salgada é necessário que água passe pelo filtro deionizador (DI ou RO), antes de misturar o sal, para repor a água evaporada idem, somente assim teremos um aquário marinho onde irá prosperar peixes, corais e invertebrados, veja matéria neste site.Uma das substâncias que irão compor o filtro é a Resina Mista.

Talvez você já procurou Como Regenerar Resina Mista mas não teve sucesso.

Abaixo vou explicar um pouco sobre resina mista para você entender bem legal, inclusive qual resina mista deve comprar, pois tem diferenças.

Seja lá qual for a resina mista que você comprou ou vá comprar para colocar no seu filtro deionizador é bom saber que a sobra (quantidade que vai guardar, depois de ter tirado a quantia para o filtro), deve ser guardada em local onde não entra ar (oxigênio) e livre da luz, senão ela vai perdendo a capacidade. No rótulo diz que não tem prazo de validade, porém este detalhe deve ser observado. Aconselho você usar um vidro que tenha uma boa tampa e guardar numa caixa de papelão, ou usar um saco plástico destes que veda mesmo.

O nome Resina Mista é porque ela contém a mistura de resina Catiônica e Aniônica. A resina Catiônica é a positiva enquanto a Aniônica é negativa.

Você já deve ter visto à venda Resina Mista 50% por 50%, significa que as quantidades das resinas são iguais. Também deve ter visto Resina Mista 40% por 60%. Sabe a diferença?

Quando você vai filtrar a água da torneira a primeira que perde a capacidade é a Negativa (Aniônica) depois sim a Positiva (Catiônica), então você teve uma perda, sobrou resina Catiônica (positiva), mas não está valendo para a filtragem, pois a Aniônica (negativa) já perdeu o valor.

Se você tem a resina mista 40% (Catiônica) e 60% (Aniônica) você não terá perda, pois irão saturar juntas, consequentemente você filtrará mais água.

Esta resina 40% X 60% tem maior custo porque a resina aniônica é mais cara que a catiônica.

Você poderá comprar com tranquilidade a Resina Mista MB-400 ou a MB-20, são as ideais para filtro Deionizador, pois NÃO são meio-a-meio (50% por 50%).

A resina catiônica retira o cálcio e o magnésio e a aniônica os sais minerais e sílica(*).

(*)Veja que interessante: Quando a resina aniônica está saturada ela pode estar deixando passar sílica, ela não é condutiva, não é diagnosticada pelo medidor TDS. Silicatos são prejudiciais ao aquário marinho. Veja matéria “Silicatos” neste site.

Se você não tem uma água de torneira de “boa” qualidade é importante usar a resina mista 40% + 60%, pois tem maior capacidade de “filtragem”. Também pode ocorrer que nos primeiros 5 litros já filtrados você não consiga bons resultados (no medidor TDS), principalmente se a resina estava guardada há muito tempo, neste caso é só descartar estes primeiros litros e continuar a filtragem normalmente.

Também são chamadas de Resinas de Troca Iônica, que são produtos sintéticos, que purificam a água a nível químico, removem os sais dissolvidos, removem os minerais, elementos químicos, como por exemplo, cálcio, magnésio, clorato, clorito, cloreto, sulfato, sulfito, sulfeto, arsênio, boro, cromatos, zinco, cromo, níquel, fluoretos, nitritos, nitratos, percloratos, fosfato, urânio, SÍLICA(*) e outros metais pesados. Existem resinas específicas também, podem ser adsortivas, seletivas ou catalíticas, mas isto não vem ao caso aqui, existe uma grande diversidade de resinas, cada uma com sua finalidade, muito usadas no ramo industrial.

Talvez você esteja perguntando como regenerar resina mista, é possível?

Sim é possível e por sinal muito usado em indústrias e afins, pois usam em grandes quantidades, em grandes equipamentos.

Pode-se regenerar a resina quantas vezes forem necessárias.

Se você tem um aquário marinho e quer regenerar a resina que usa no filtro DI ou RO eu acredito que não vale a pena, devido ao custo/benefício e mão de obra. Você vai precisar dois estágios no filtro, uma para a resina catiônica e outra para a resina aniônica, pelos motivos abaixo. Então faça o seguinte (para compensar o custo e mão de obra): Vá guardando as resinas (separadas) já saturadas até que compense o gasto com os produtos abaixo.

Se quando você comprou a resina mista e ela chegou já misturada (Catiônica e Aniônica) terá que separar, pois cada uma delas se regenera de uma maneira. Não é possível regenerar a resina mista sem separar.

Para regenerar a resina Catiônica usa-se uma solução de ácido Clorídrico, também se pode usar sal grosso (menos eficiente).

Para regenerar a resina Aniônica usa-se Hidróxido de Sódio (soda cáustica).

Depois de ler este artigo e vai querer regenerar as resinas de troca iônica, minha dica é que compre SEPARADO, ou seja, compre a resina catiônica e depois a aniônica (lembre-se dos 2 estágios do filtro). Quando você compra a resina mista, mesmo se for a 40% X 60% é difícil chegar separadas, mas tem lugar que vende assim (separadas).

Se você vai regenerar a resina, porém não esta separada (aniônica e catiônica) tem que separar, veja como:

Coloque a resina mista num recipiente de vidro (alto), e enche-o de água. Vá colocando sal (pode ser de cozinha) com uma colher de sopa. Como não sei o tamanho do recipiente que você vai usar então não posso lhe dar a medida de sal correta. Agite e espere um pouco, pois com a alteração da densidade da água, na hora que você colocou sal, as resinas irão se separar, por flotação, isto é a resina aniônica vai subir e a catiônica vai ficar no fundo, porém você terá que acertar na densidade, então vá acrescentando sal até que isto ocorra, a densidade da água é que vai fazer a resina aniônica subir. Feito isto é só pegar a resina que subiu com uma colher, rede, sucção, concha, copo, etc., o que for mais viável para você.

Já separadas as resinas é preciso lavá-las (com água de torneira) para tirar o sal. Deixe secar, pode ser ao sol.

Agora vamos ver como regenerar resina:

Para resina aniônica utilizar 40 gramas de soda cáustica para cada litro de água deionizada. Para resina catiônica utilizar 1Ml de ácido clorídrico para cada litro de água. Utiliza-se a mesma quantidade da solução que tiver de resina a regenerar, exemplo: se tiver 250 Ml de resina utilizar 250 Ml da solução.

Já com as resinas devidamente separadas e mergulhadas nas respectivas soluções deixe agir por cerca de 2 horas. Mexer com um plástico a cada meia hora.

Decorrido este tempo basta lavar as resinas separadamente, preferencialmente com água DI, mas pode ser de torneira também. Para saber se já estão bem levadas, coloque um pouco no copo, com água DI e meça o PH, se estiver por volta de 7 esta bom, sua resina foi regenerada com sucesso, esta pronta para uso.

Outro artigo interessante é como ativar as resinas:

Considere para ativação, 240g do ácido (1L de HCL 35% em 5L de água desmineralizada) para cada 1L de resina catiônica e 240g de soda (sólida) (1L de soda 50% em 5L de água desmineralizada) para cada 1L de resina aniônica.

Essas soluções deverão passar pelas resinas (cada uma separadamente, pois a resina catiônica não pode entrar em contato com a soda e a resina aniônica não pode entrar em contato com o ácido) em um tempo mínimo de 60 minutos. Após a passagem do regenerante, passar água desmineralizada (enxague lento), por no mínimo 30 minutos. Após esta etapa, passar a água ser desmineralizada na vazão normal de trabalho, até que a condutividade venha baixar (menor que 10 micro simens).

Para a regeneração, considerar 120g de ácido e 120g de soda e proceder da mesma maneira que a ativação, inclusive as etapas e seus tempos.

Importante: Use luvas, óculos de segurança, máscara, pois são soluções perigosas que causam queimaduras graves, soltam vapores tóxicos. Faça tudo em local com boa ventilação. Após o uso, as soluções devem ser misturadas para o descarte no ralo (ou pia, etc), porque quando misturadas irão se transformar em água salgada apenas, não irá danificar a tubulação. Faça isto também com a água que utilizou para lavar as resinas. Misture-as.

Normalmente 1 litro de resina é vendido entre 600 a 720 gramas e trata aproximadamente 500 litros de água dependendo da qualidade da água à ser tratada, da vazão (litros/hora), do tamanho do filtro e da quantidade de resina utilizada para filtragem.

Você poderá regenerar as resinas quantas vezes forem necessárias, pois o desgaste não ocorre pela regeneração e sim pelo atrito entre elas e a água, é o desgaste mecânico e não químico.

Veja também neste site Como regenerar carvão ativado. Bem legal.

Com estas dicas você acaba economizando uma boa grana. Mas lembre-se de comprar as resinas separadas, fica bem mais fácil.

Se tiver algo a acrescentar sobre Como Regenerar Resina Mista, sinta-se a vontade em utilizar o formulário abaixo. Obrigado



Para alimento de corais, peixes, invertebrados Clic Aqui.

Para comida de peixes marinhos granulada Clic Aqui.